Translate this Page
ONLINE
2




Ministério de Pregador

Pregador

O ministério do pregador é um dos ministérios mais cobiçados na igreja devido ao tamanho de sua importância. Este ministério é maravilhoso, pois através dele vidas são salvas, transformadas, libertas, curadas e abençoadas. É algo de muita honra para qualquer pessoa. Todavia, algumas observações devem ser colocadas para evitar muitos equívocos que são cometidos na atualidade. O ministério é bom, mas exige responsabilidade.

 

Não queira ser pregador apenas porque acha bonito ou porque viu um pregador famoso e achou legal. Para ser pregador é necessário chamado divino. Se Deus não te chamou para ser pregador lembre-se que existem outros ministérios importantes como o profético, de louvor, o de evangelização e outros. Agora se realmente Deus te chamou, não fuja. Abra o coração para que ele venha te usar para as nações. Favor só não confundir ter um ministério de pregação e saber pregar. Todo cristão tem que saber apresentar o evangelho independente de ter o ministério de pregador ou não, mais ainda se for obreiro na igreja.

 

Se prepare. Estude, leia livros de teologia, faça cursos, ore, se consagre e tenha uma vida de santidade. Hoje vivemos na era virtual e as pessoas percebem quem sabe realmente o que prega e quem apenas está enrolando. Pregador de verdade tem conhecimento bíblico e unção de Deus. Todos veem ele como alguém dedicado ao estudo das escrituras. Faça da Bíblia sua amiga e tenha um contato íntimo com ela. Fazendo assim todos vão gostar de suas pregações. Você vai ter base na hora de pregar.

 

Não pregue visando lucro (1Co. 2-17). Existe hoje o costume de cobrar para pregar, mas não há base bíblica para isso. O pregador verdadeiramente vocacionado vive das ofertas voluntárias que recebe e da venda do seu material (cd´s, dvd´s e livros). Caso isso não seja suficiente deve ele buscar ter uma profissão como fazia o Apóstolo Paulo. Paulo era construtor de tendas e com esse trabalho ele se mantia. Da mesma forma deve fazer o pregador da palavra de Deus. Pregar não é profissão e muito menos negócio. Pregar é um ministério.

 

Esteja preparado para críticas e perseguições. Se você pregar bem despertará a inveja de irmãos carnais. Se você falar a verdade bíblica poderá atingir pecados ocultos de irmãos e eles não vão gostar nada disso. Muitos vão gostar do seu trabalho e irão te apoiar, mas alguns poderão te perseguir. O importante é que independente de qualquer coisa você continue a fazer o que Deus colocou no seu coração. Assim ele vai te honrar. Quanto às críticas julgue elas. As que tiverem proveito aceite com humildade e as que não tiverem jogue no lixo.

 

Tente alinhar ao máximo possível seu discurso a sua prática de vida. Se pregar contra a idolatria você não pode brigar por causa de um time de futebol, se prega contra a ganancia não pode fazer a obra de Deus pensando só em dinheiro, se prega contra o adultério não pode viver tendo um caso com a vizinha, se prega contra a fofoca não pode viver falando mal do pastor pelas costas, dentre outras coisas. Se quiser pregar, pregue primeiro para si mesmo. Seu exemplo é sua maior pregação.

 

Meu desejo é que você venha ser um grande pregador da palavra de Deus. Um pregador que resgate a essência da pregação. Que tenha uma vida ética, de oração e pautada pela Bíblia Sagrada. O mundo necessita de uma nova safra de pregadores assim. O povo está faminto em ouvir a palavra de Deus. As almas estão sedentas por ele e você talvez seja o vaso que Deus quer usar para as multidões. Pregue em tempo e fora de tempo.

 

Curta nossa página Reflexões do Pregador Lucas Moraes

Curta nossa página JP-Jovens Pregadores

 

Conteúdo Relacionado

Poder de Síntese